Domingo, 1 de Fevereiro de 2009

...

 

 

É oficial: ninguém se levanta às 8 da manhã numa manhã de domingo e liga o computador.

Ou melhor só mesmo eu.

É que neste momento são 11h da manhã e eu em vez de aproveitar para ficar na cama a preguiçar, já tomei o pequeno almoço, já fiz uma caminhada de 2km, para ír tomar um café à vila, e no regresso fiz o caminho debaixo de chuva, e já aqui estou sequinha e pronta para sair em frente ao pc, à espera que chegue a minha irmã para irmos dar uma volta (deve estar agora a arranjar-se).

Não tenho mesmo nada contra ficar a dormir até mais tarde, eu é que simplesmente não consigo.

Até acordei às 7h e obriguei-me a ficar na cama até às 8h a ouvir música.

Mas a caminhada fez-me bem. Liberta-me a alma.

Tenho andado sob grande pressão emocional. Pressão auto-imposta, talvez; necessidade de deixar de andar em cículos.

Agora é sacudir a poeira, levantar a cabeça e seguir em frente.

Talvez seja por isso que gosto tanto de caminhar quando preciso de clarificar as ideias ou de tomar decisões, parece que cada passo que dou é uma afirmação das minhas intenções; recebo a energia da terra que piso (mesmo do alcatrão) que me percorre os músculos e me faz sentir mais viva e decidida.

Olho a natureza ao meu redor (sim porque aqui nesta minha Arruda ainda existem alguns bocadinhos de natureza que podemos observar), e reconforta-me ver que o tempo passa, muitas coisas se modificam mas a natureza tem uma força muito sua, que faz com que tudo encaixe no seu devido lugar. E que assim como não há nada como uma boa chuva torrencial para limpar rios, irrigar as terras tornando-as mais férteis, também nada como umas boas torrentes de lágrimas para lavarem o coração e torná-lo de novo, a seu tempo, aberto ao amor.

Porque na vida tudo é amor, e a vida sem amor não merece a pena ser vivida.

 

 

Esta é uma música muito antiga, mas que me vem sempre à memória quado penso nestas coisas...

 

 

 

 

 

sinto-me:
vivido por umdiadepoisdooutro às 11:01
link do post | diz lá... | favorito

mais sobre mim

pesquisar

 

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Dias recentes

"Clássico"

...

...

Por aqui...

Natal é...

Rendi-me!

reflexões

não te quero largar mais....

Férias...

Livros

Dias passados

Dezembro 2015

Outubro 2013

Dezembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

tags

todas as tags

favoritos

Um escândalo digno dos ta...

Memórias dos Pantufinhas ...

Em nome do Pai...

Sobreviver aos primeiros ...

Manual da Mulher Resolvid...

Testemunhos XXII

Como os empregos

Nudez

Adeus

Coisas do amor

Outras visões do mesmo Mundo

blogs SAPO

subscrever feeds